Cirurgia plástica e dedução do Imposto de Renda

by sandra on 17 de março de 2011

Segundo a legislação do imposto de renda os gastos com operações e hospitais podem ser dedutíveis do imposto de renda.

São dedutíveis da base de cálculo do IRPF as despesas médicas comprovadas independentemente da especialidade, inclusive as relativas à realização de cirurgia plástica, reparadora ou não, com a finalidade de prevenir, manter ou recuperar a saúde, física ou mental, do paciente.

As despesas com prótese de silicone não são dedutíveis, exceto quando o valor dela integrar a conta emitida pelo estabelecimento hospitalar relativamente a uma despesa médica dedutível.

Por exemplo: uma prótese de silicone implantada em decorrência de uma cirurgia para retirar câncer no seio. Nesse caso, a despesa é dedutível, uma vez que a cirurgia para retirar o câncer pode ser abatida.

Até o ano de 2009 a Receita Federal não considerava como despesa dedutível as cirurgias plásticas estéticas, somente as reparadoras. A partir de 2010 o beneficio é valido para qualquer tipo de cirurgia plástica.

Vale lembrar que para ocorrer à dedução é preciso que todos os gastos sejam comprovados através de recibos.

 

 

Leave a Comment

Previous post:

Next post: